18.5.09

CHILLI COOK-OFF FESTIVAL



Lembra que falei da nostalgia que seria ir ao Chilli Cook-Off?

Então, o festival foi MUITO MAIS do que "apenas" uma sessão nostalgia, como eu havia pensado.

Já tinha esquecido a energia boa que eu sinto quando estou no meio de todo mundo, pulando e cantando.

Sabe uma coisa que não dá para explicar?

Eu AMO shows, desde pequena. Quando tinha uns 8 ou 9 anos meus pais eram OS ESCOLHIDOS para me levar aos shows do Polegar(meu DEUS! Como eu era annoying com esta história de Polegar, mas enfim...). No início da minha adolescência, meus irmãos eram OS ESCOLHIDOS. Eles iam comigo, mas ficavam BEM longe. Geralmente eu falava que ia "lá para frente" para 'ver de pertinho' e eles só sacudiam a cabeça, dizendo que estava OK. Na minha adolescência comecei a frequentar showzinhos nacionais e MUITO, mas MUITO cover. Jehzuis! Esta época eu não cansava!Eram todas as semanas vendo AS MESMAS PESSOAS, nos MESMOS LUGARES e eu NAO CANSAVA! Mas enfim... Fui e continuo assim, chata e APAIXONADA por shows!

Porém há uma leve diferença entre os shows daqui e os shows do Brasil. Geralmente os shows por aqui são MUITO organizados. O que por um lado é ótimo, mas por outro acaba perdendo um pouco a "emoção", sabe?

Para você ter uma idéia, no show do Pearl Jam nao pude ficar de pé(!). Era um show EMOCIONANTE, mas nao pude pular ou aplaudir de pé porque era "contra o regulamento".

E são nestas horas que consigo achar algo mais APAIXONANTE que os shows: os FESTIVAIS.

Porque mesmo aqui, no PAÍS DAS REGRAS, ele acaba sendo uma coisa "mais leve".

É um povo jogado para um lado, outro povo para o outro, gente sentada no chão, gente sozinha, gente acompanhada, gente bêbada, gente sóbria... Todo mundo lá, naquela filosofia do FREE: "Cada um na sua mas com alguma coisa em comum", sabe?

No fim todo mundo se abraça, canta, dança... Tudo sem se preocupar com que os outros vão pensar. Tanta coisa boa junta!

Enfim, os shows do Offspring, Papa Roach, Puddle of Mudd, Third Eye Blind, Shinedown e Red Jumpsuit Apparatus foram OTEMOS. Algumas fotos minhas ficaram otemas também(outras pééééééssimas)e os vídeos ficaram- a maioria- ruinzinhos(por conta do meu pé, que nao parava de pular). Meu óculos preferido quebrou no fim do Festival. Meu tênis ficou assim, uma coisa PODRE. Porém, o saldo final ficou MAIS DO QUE positivo.

Ainda mais que a minha amiga estava trabalhando no caminhão da cerveja.

Tínhamos tantos tickets no final, mas TANTOS, que acabamos REvendendo e comprando as típicas comidas americanas, bem engorduradas.

E no meio de tanta alegria, quem liga para gordura?

E no meio de tanta gente, quem ligava para chuva?

Porque se os americanos, que são polite, se jogam. Porquê EU não me jogaria?

Quem viu as fotos ou esteve por lá, sabe bem do que estou dizendo.

Se não viu, confira alguns videos aqui, aqui, aqui, aqui, aqui e aqui.

3 comentários:

Cá disse...

Com toda essa emoção que vc escreveu, deu até vontade de estar lá. Mesmo não sendo algo que "ame", rs. Mas do seu lado eu iria, como já fui em alguns lugares para testar.
Beijos
Ah! Eu vi as fotos, e pelo jeito foi mta diversao.

Gabriele disse...

ADOREIII, seu texto! foi o meu primeiro, mas certamente NAO o ultimo show/festival, assim como vc eu tbm AMO musica, amo ir em show, amo a energia ( so num gosto d gente pisando na minha cabeca!!! hahahahahaha) enfim, a sua companhia tbm foi crucial pra q esse dia fosse mais legal ainda!!! obrigada por td! e eh nois logo mais em outros showzinhos =)

zzzzula disse...

vc eh otema!!!